segunda-feira, dezembro 21, 2009

mudança de layout

Na verdade eu nem precisava comunicar, a mudança é clara (ou melhor dizendo escura)! Estava tudo muito rosa, o que não combina muito com o meu humor ácido (mal humor, se preferir). A foto da tattoo tirei em Londres, é um outdoor que estava a cima de uma estação de trem!

Espero que esse layout improvisado seja temporário, pois um amigo e gênio do design Zeca Forehead ficou de fazer um baner para esse blog, mas como todo gênio, ele precisa de liberdade para se expressar e eu nem cogito incomodar sua criação!


Zeca fez o desenho do convite do meu chá de cozinha, enquanto outro amigo querido (Robson Fofinho) fez o do meu casamento!



É impossível viver sem os amigos!

segunda-feira, dezembro 14, 2009

Julie & Julia


Ganhei o livro de aniversário. No início pensei em trocar, mas prossegui com a leitura, depois da 70página iniciais as coisas começam a engatar e valer a pena! Conta a estória de uma mulher que chega aos 30 anos e está bem frustrada, acredita que não fez nada de significativo em sua vida e decide criar um desafio, escrever um blog de culinária testando mais de 500 receitas em 365 dias!


Eu não contei isso antes, mas esse livro me estimulou a voltar a escrever! Na verdade já tive uma idéia de ter um blog sobre comida, não necessariamente culinária, talvez falando de restaurantes e pratos interessantes, sem precisar ensinar como se faz!


Nesse momento tranqüilo da minha vida , trabalhando beeeem pouco ( é que já tive 2 empregos ao mesmo tempo, vivia cansada e não queria cozinhar nem sob ameaça, preferia comer miojo todos os dias) tenho voltado a cozinhar com prazer! Adoro cozinhar sem obrigação, mas para poucas pessoas, nada de fazer caldeirão de comida para um batalhão, não rola!


Gosto de cozinhar meio no instinto, sem seguir a receita, vou colocando um pouco do que tem em casa e quase sempre fica bom (claro que as vezes peso a mão no sal, é que não gosto muito de experimentar, hihihi), só tem um detalhe, dificilmente sei fazer aquela receita de novo, porque não tem receia! Adoro ver a cara de prazer do meu marido com os pratos que eu faço e é muito bom cozinhar para as pessoas que você gosta!


Meu sonho de consumo atual é o livro de Jamie Olivier e quem sabe mais para frente fazer um curso de “gastronomia” (culinária mesmo). Não gosto muito desse glamour todo em torno da culinária, mas isso fica para uma outra hora!

sábado, dezembro 05, 2009

como tudo começou e recomeçou!

O psicodegenetariva morreu no início de 2005. Eu passava por um momento muito complicada da minha vida, tinha me formado em terapia ocupacional (estava com uma mega duvida do que fazer da minha vida), tinha terminado um namoro e começado outro, meu pai estava bastante doente (vindo a falecer 2 anos depois), estava tudo de pernas para o ar.


Não sei ao certo por quanto tempo ele permaneceu vivo, mas recordo que foram bons momentos juntos. Ele começou como uma forma de me comunicar com alguns amigos que moravam em outras cidades, depois foi virando um espaço de desabafo, por fim virou ringue de vale-tudo (nos comentários) e perdeu a função.


Diversas vezes pensei em ressuscitá-lo, mas ponderava que um blog é muito exposição, que eu não tenho mais idade para isso, blá, blá, blá... na verdade fiquei foi muito assustada com o modo que as coisas terminaram.


No momento que você escreve alguma coisa e torna pública, você precisa estar pronto para a repercussão, positiva e/ou negativa (até ai tudo bem), mas o que aconteceu foi que as pessoas começaram a brigar nos comentários do meu blog e isso saiu do meu controle, sem contar que descobri que muito mais gente do que eu imaginava lia o meu blog diariamente, o que também sai do controle, a final é público, né?


A sua morte foi fulminante, deletei tudo, tudinho, mas a verdade é que sinto uma saudade danada dele. Tivemos bons momentos, layouts lindos feitos por amigos queridos e sei que não deveria ter assassinado ele tão friamente (na verdade sofri horrores). Não faz muito tempo, que em uma crise de saudosismo, consegui resgatar o endereço antigo e agora aqui estamos nós de volta!